Jucurutu: Secretaria trabalha Educação Inclusiva nas escolas

Partindo do princípio de que todos devem ter acesso ao aprendizado, a Rede Pública Municipal de Educação de Jucurutu atua para ofertar o ensino de maneira universal, acolhendo os diversos tipos de alunos, tal como os portadores de deficiência. 

Assim, incrementando as estratégias de atendimento escolar, a gestão tem desenvolvido ações através da equipe técnica de Educação Inclusiva em uma perspectiva interacionista. O pioneirismo do trabalho tem acontecido agora em modelo presencial, nas unidades, cumprindo os protocolos de biossegurança.

De acordo com os secretários da pasta educacional, Maria da Guia e Erifran Paulo, está sendo levada ouvidoria às famílias, à direção escolar, aos professores e crianças, público-alvo do atendimento especializado. A meta é devolver um feedback assertivo no que se refere ao ensino-aprendizagem.

O rastreamento realizado nas escolas tem como objetivo principal conhecer a real demanda e instrumentalizar profissionais dentro delas para melhorar a qualidade da oferta do ensino, impactando positivamente na forma como essas crianças aprendem”, expressou a secretária Maria da Guia.

Equipe técnica

O grupo é composto por múltiplos profissionais da Secretaria de Educação e Cultura: Cláudia Ferreira, pedagoga especialista em atendimento educacional especializado; Carla Lúcio, psicopedagoga; Margarida Bezerra, neuropsicopedagoga; e Wagner Macedo, psicólogo institucional.

Nesse momento, eles contam ainda com a colaboração de gestores e coordenadores escolares para mobilizar e facilitar a interação junto aos outros atores envolvidos no processo de ensino.