33 fogem de Alcaçuz; sequestrador de Fábio Porcino está na lista, diz Sejuc

José Wilson Trajano (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
José Wilson Trajano (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

 

Por G1RN – Está confirmado: 33 detentos escaparam da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do Rio Grande do Norte. A fuga aconteceu na noite da quarta-feira (8), mas a relação dos fugitivos só foi divulgada nesta sexta (10). Na lista, segundo a Sejuc, está o nome do líder da quadrilha que sequestrou o empresário mossoroense Fábio Porcino, crime ocorrido em 2013. Cearense, José Wilson Trajano de Freitas foi condenado a 16 anos em regime fechado. Ele foi preso em junho de 2013 na cidade de Macapá, no Amapá.

Fábio Porcino foi libertado no dia 14 de junho de 2013 após passar quatro dias acorrentado em uma cabana na zona rural da cidade de Canindé, no Ceará. Fabinho é primo de Porcino Fernandes Segundo, vítima do mais longo sequestro da história do Rio Grande do Norte. Popó, como é conhecido, ficou 37 dias em cativeiro (de 16 de junho a 24 de julho de 2012).

Além do sequestrador, escaparam Antônio Ribeiro da Silva, Cauê Martins da Costa, Cleudson Webster da Silva, Erasmo Carlos da Silva Fernandes, Eudes Rocha B. de Sena, Francisco Fagner da Silva, Hildeoclécio Cruz dos Santos, Jamilson Barbosa da Silva, Jariedson Bezerra de Moura, João Danil Wanderley de França, José Anchieta Fernandes, José Anderson Pinto da Silva, José Jocenildo de Morais Fernandes, José Rosivan Felix, Júlio Douglas da Silva Fonseca, Leandro da Silva Souto, Lenílson Lopes Pereira, Mayksamy dos Santos Pontes, Michel Plateny da Costa Moura, Nielson Wallace da Fonseca, Paulo Eduardo Lopes de Oliveira, Pedro Adelaide Cavalcante da Silva, Rafael Macêdo Vital, Ramon Augusto Lopes Marques, Ranielly Brito de Azevedo, Rivanildo Pereira Medeiros, Ronaldo da Silva Ribeiro e Sandro Afonso de Souza Tavares.

Outros quatro presos foram recapturados ainda na madrugada da quarta, logo após a fuga. O grupo foi detido pelo BPChoque dentro de um carro. Na ocasião, um casal que estava dando apoio aos fugitivos acabou preso.

Com a fuga da quarta-feira, chega a 249 o número de detentos já fugiram de unidades prisionais do estado somente este ano. Em 2015, fugiram 212.

Secretário de Justiça e Cidadania, Wallber Virgolino classificou a fuga como “um vacilo”.

LEIA MATÉRIA COMPLETA, AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *