‘Sou feliz’, diz vigilante que ficou paraplégico ao levar tiro em assalto

vigilante_2zOLzbN
Apesar de tudo, Jeimyson mostra sorriso durante gravação (Foto: Arquivo Pessoal)

O vigilante Jeimyson Nunes de Azevedo, de 26 anos, que ficou paraplégico ao ser baleado no pescoço durante um assalto na farmácia em que trabalhava, crime ocorrido no dia 4 deste mês na Zona Norte de Natal, gravou um vídeo para dizer que vai, por meio da igreja, ajudar pessoas a superarem dificuldades. “Tá vendo o meu sorriso? Eu corro o risco de nunca mais me movimentar, mesmo assim sou feliz. Deus quer fazer você ser mais do que vencedor. Se não consegue sozinho, se prepare. Estou chegado aí para te ajudar”, disse ele.

O vídeo, feito no hospital, foi postado nas redes sociais pela irmã dele. Jeize Nunes autorizou o G1 a utilizar a gravação como forma de mostrar que ele, apesar do que aconteceu, está bem e se sente confiante.

“Amados, boa tarde. Acredito que muitos de vocês me conheçam; outros, nem tanto. Mas quero deixar claro que estou muto bem, viu? Muito bem”, disse Jeimyson logo no início do vídeo. “Quero deixar claro uma verdade. Na vida, existe duas formas de se viver: você consegue viver tendo as coisas e você consegue viver sendo alguma coisa. Muitos anos da minha vida eu vivenciei tendo muitas coisas, mas nunca fui nada. E, devido isso que aconteceu, o Espírito Santo ministrou meu coração e me fez entender que eu não posso ter nada, mas eu sendo alguma coisa eu sou feliz”, acrescentou.

“Tá vendo o meu sorrido? Eu corro o risco de nunca mais me movimentar, mesmo assim sou feliz, porque hoje eu sou mais do que vencedor em Cristo Jesus. Portanto, não baixem a cabeça. Levantem-se. Façam alguma coisa. Só você podem mudar essa história. Deus quer fazer você ser mais do que vencedor. Se não consegue sozinho, se prepare. Estou chegado aí para te ajudar. Obrigado. Valeu, amados. Paz!”, finalizou.

Saiba mais sobre o caso no site do G1RN clicando AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *