Mulher reaparece depois de ser dado como morta há mais de 40 anos

LULA
Crédito da Foto: Indiana State Police

Uma mulher dada como morta pela própria família há mais de 40 anos foi encontrada viva e usando um nome diferente. A americana Lula Ann Gillespie-Miller, desapareceu em 1974 deixando seus três filhos para os próprio pais cuidarem.

A família nunca mais ouviu falar dela, a não ser por uma carta que a própria que ela enviou meses depois.

Em janeiro 2014 o Detetive de Polícia do Estado de Indiana, Sargento Scott Jarvis, assumiu o caso depois de receber um contato da família da desaparecida por meio do site “America’s Doe Network”, que auxilia na busca de pessoas desaparecidas.

Após investigar, o policial começou a seguir os rastros de uma mulher com as mesmas características de Lula Gillespie-Miller e que viveu no estado do Tennessee em 1980, antes de se mudar para o estado do Texas.

O Sargento contatou a Texas Rangers, força policial, e a mulher foi encontrada.

Quando questionada, ela admitiu que seu nome era, na verdade, Lula Gillespie-Miller, e disse ser originalmente de Laurel, no estado de Indiana.

A polícia afirmou que a mulher não cometeu crime algum ao deixar sua residência. Acredita-se que ela tenha vivido sob um pseudônimo e que tenha se casado mais de uma vez.

Lula revelou que desapareceu depois de decidir que era muito nova para ser mãe.

Fonte: Yahoo Notícias

Com informações do Mirror.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *