Kelps sugere quer psiquiatra esclareça resultado de exame de concurso da PM

A convocação dos 824 aprovados no concurso da Polícia Militar volta a ser tema de pronunciamento no plenário da Assembleia Legislativa. O deputado Kelps Lima (SDD) sugeriu, durante sessão ordinária desta quinta-feira (25), que a Comissão de Saúde da Casa convoque o médico, Ricardo Silva de Oliveira, que fez o exame psicológico nos aprovados, para que ele se posicione em relação ao resultado do exame psicológico.

O deputado destaca que dos 824 convocados, 489 foram anunciados como inaptos por não cumprirem os requisitos psiquiátricos para função de policial militar. “O médico afirmou que reprovou apenas 26 homens. Então ele precisa esclarecer esse fato”, disse Kelps.

Em aparte, a deputada Márcia Maia (PSB), se solidarizou com o pronunciamento do deputado e falou sobre as consequências que o resultado desse exame pode trazer à vida desses homens.

O deputado Fernando Mineiro (PT) falou sobre o interesse do Governo do Estado em resolver a situação e disse que a posição do Governo é que seja feito um novo teste. Os deputados Albert Dickson (PROS) e George Soares (PR) também apartearam Kelps Lima. George pediu ao Governo, Justiça e Procuradoria Geral do Estado que encontrem uma solução para a situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *