Medida provisória que altera as regras para o seguro-desemprego, é aprovada pelo senado

Na noite desta terça-feira(26), o Senado aprovou a medida provisória 665 que dificulta o acesso ao seguro-desemprego. Por 39 votos a favor e 32 contra, a bancada do senado aprova medida que estreita o acesso ao seguro-desemprego, ao abono salarial e ao seguro-defeso.

Com esta aprovação, para se ter direito ao seguro-desemprego, o trabalhador precisará ter trabalhado por no mínimo 12 meses nos últimos dois anos. O período inicial de carência proposto pelo governo federal era de 18 meses para requerer o benefício.

Para pedir suas vantagens pela segunda vez, o trabalhador precisa ter nove meses de carteira assinada. A sugestão do governo era de 12 meses.

E a partir da terceira solicitação a regra para o beneficiável continua a mesma, sem mudanças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *